Você já deve ter visto o anuncio de que as políticas de privacidade do WhatsApp foram revisadas, agora compartilhando seus dados com o Facebook, e você precisa aceitá-las para seguir no aplicativo até o dia 8 de fevereiro de 2020. 

Confuso? Assustado? Muita gente também ficou.

O que mais assustou foi a questão do compartilhamento de dados, já que os termos afirmam que o WhatsApp repassará informações ao Facebook, empresa dona do aplicativo de troca de mensagens.

Essa mudança afeta sobretudo a maneira como empresas que usam o WhatsApp Business poderão gerenciar informações de clientes através do Facebook. O conglomerado já vem falando em unificar algumas partes dos seus aplicativos há algum tempo e esse foi mais um passo nessa direção.

Compartilhamento de informações

O que já sabíamos é que nomes, números de telefone, aparelho utilizado, dados de transações e pagamentos e outras informações anônimas são as que as empresas podem compartilhar de seus clientes do WhatsApp com suas contas corporativas no Facebook.

Agora o que ficou na dúvida foi se, além disso, conversas entre clientes e contas comerciais do WhatsApp podem, em último caso, deixar de ser protegidas com a criptografia de ponta a ponta. 

Porém, a empresa disse recentemente em posicionamento à imprensa que “esta atualização não muda as práticas de compartilhamento de dados entre o WhatsApp e o Facebook e não impacta em como as pessoas se comunicam de forma privada com seus amigos e familiares em qualquer lugar do mundo”. 

Porque atualizaram as políticas de privacidade do WhatsApp?

Na verdade, boa parte dos usuários do WhatsApp já compartilham seus dados com as outras empresas do Facebook, mas possivelmente não estão conscientes disso. Isso porque, quando houve a compra do WhatsApp pelo Facebook anos atrás, as políticas da época já foram atualizada para permitir isso de forma mais branda.

Mas se nada muda, por que as políticas de privacidade do WhatsApp foram atualizadas então? 

Por trás das alterações está o lançamento de um novo serviço pelo Facebook para gerenciar conversas de empresas com consumidores pelo WhatsApp. Essas são mensagens que tem sua transmissão criptografada, mas tem a proteção absoluta como em uma conversa privada com amigos.

O serviço é parte de um caminho de integração dos aplicativos de mensagens instantâneas para usuários empresariais, caminho esse que tende a culminar em uma plataforma integrada que une esses canais. Mas esse ainda é um futuro não muito próximo.

Mas se você deve se preocupar? A mudança, na verdade, de fato não significa uma grande atualização nas políticas de privacidade do WhatsApp. Mas algumas novidades que falaremos abaixo surgem no comunicado compartilhado pelo WhatsApp.

Plataforma de atendimento do Facebook

O Facebook anunciou em outubro que lançará nesse ano um serviço pago para as empresas gerenciarem suas conversas com clientes pelo WhatsApp. Hoje, as companhias com contas comerciais já podem contratar esse serviço de outras empresas certificadas pelo Facebook.

No anúncio do novo serviço, o Facebook destacou que, embora as mensagens transmitidas nas contas comerciais sejam criptografadas, o WhatsApp não considera que nesses casos existe uma criptografia “de ponta a ponta” porque as empresas podem disponibilizar esse conteúdo para terceiros, como serviços de gerenciamento de mensagens ou até serviços mais robustos, como o uso de IAs e automações.

Porém, o conteúdo da sua conversa (seja por telefone, e-mail ou WhatsApp) pode ser visto/lido pela empresa, e algumas informações compartilhadas na conversa podem ser utilizadas pela própria empresa para fins de marketing, inclusive para fazer publicidade no Facebook.

Funcionalidade de Loja

O que você acaba ganhando com essas novas políticas mais integradas é que algumas funções de outras redes podem se mesclar com o seu whatsapp em breve.

Como é o caso da funcionalidade “Loja”, que já permite a empresas venderem produtos diretamente pelo Facebook e Instagram. Algumas empresas poderão exibir seus produtos no WhatsApp para que as pessoas possam ver quais itens estão disponíveis para compra.

Descobrir empresas

Outra possibilidade será “descobrir empresas”.

Você poderá ver um anúncio no Facebook com um botão para enviar mensagens para uma empresa por meio do WhatsApp. Se você tiver o WhatsApp instalado no seu celular, será possível enviar mensagens diretamente para essa empresa. 

O Facebook, por sua vez, poderá utilizar os dados de como você interage com esses anúncios para personalizar os anúncios que você verá no futuro.